O Semanário de Trás-os-Montes e por excelência da Região Demarcada do Douro
Notícias do Douro Notícias do Douro
Notícias do Douro
Dolce Vita
[ Inquéritos ][ Fórum ][ Farmácias ][ Futebol ][ Agenda ][ Tempo ][ Pesquisa ][ Assinaturas ][ Publicidade ][ Ficha Técnica ][ Horóscopo ]
Transmontanos e Durienses +
Noticias do Douro
Pesquisa
Livro

Transmontanos e Durienses +

S


SOARES, João Alves

nasceu em Vila Pouca de Aguiar, em 31 12 1941. É o mais velho de cinco irmãos. Entre 1945 e 1952 viveu em Ribeira de Pena, onde a Mãe (Elisa Maria Alves) era chefe da estação dos CTT. Aí fez a quarta classe. De 1952 a 1964 frequenta o Seminário de Vila Real, concluindo o Curso Teológico. Em Dezembro de 1964 é ordenado sacerdote. Em 1965 é colocado em Barroso, para colaborar com o 1?e João Adelino que era o capelão das Minas da Borralha. Passou a leccionar na Escola Profissional das Minas da Borralha, até 1967, ano em que vai para Macedo de Cavaleiros, leccionando num Colégio. Nesse mesmo ano requer ao Papa, Paulo VI a redução ao estado laical. Por decisão papal de 23 de Maio de 1969 édispensado de todas as ordens e autorizado a contrair matrimónio católico. Em 1968, a convite do Ministério da Educação, parte para Angola e radica se em Luanda, como professor no Liceu Salvador Correia. Entretanto é convidado a integrar a equipa directiva que abre a primeira Escola Preparatória, em Angola, chamada D. João I e situada nas imediações do liceu. Em 1969 casa em Luanda com a também transmontana (natural da Borralha) Maria do Céu Ferreira Gonçalves. Em 1970 conclui o curso de escrituração e grafias, no Instituto de Luanda. Ainda nesse ano regressa àMetrópole e fixa se nas Minas da Borralha, onde exerce, cumulativamente, actividade administrativa, como quadro superior da Empresa Mineira, até ao seu encerramento, em 1968 e actividade docente, na Escola Profissional, até ao presente. Em 1990 conclui a Licenciatura em Humanidades na Faculdade de Filosofia de Braga da UC. Em 1991 é Presidente da Direcção do Grupo Desportivo e Cultural de Salto, que ajudou a fundar em 1978 e cujo cargo ainda exerce, sucessivamente eleito. Em 1994 funda o Grupo de Cantares de Salto, assumindo a direcção musical. Procede à recolha, arranjo e interpretação de temas do cancioneiro Barrosão. Em 1998 passa a integrar a Direcção Pedagógica da Escola Profissional das Minas da Borralha. Em 2000 é convidado para dirigir o Grupo Coral de Montalegre e também para Presidente da Assembleia Geral da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Salto. É deputado municipal, pelo PS, desde 1993.


In ii volume do Dicionário dos mais ilustres Trasmontanos e Alto Durienses,
coordenado por Barroso da Fonte, 656 páginas, Capa dura.
Editora Cidade Berço, Apartado 108 4801-910 Guimarães - Tel/Fax: 253 412 319, e-mail: ecb@mail.pt
Preço: 30€

(C) 2005 Notícias do Douro - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
Design: Notícias do Douro. Email do Jornal: noticias.do.douro@netc.pt