O Semanário de Trás-os-Montes e por excelência da Região Demarcada do Douro
Notícias do Douro Notícias do Douro
Notícias do Douro
Dolce Vita
[ Inquéritos ][ Fórum ][ Farmácias ][ Futebol ][ Agenda ][ Tempo ][ Pesquisa ][ Assinaturas ][ Publicidade ][ Ficha Técnica ][ Horóscopo ]
Transmontanos e Durienses +
Noticias do Douro
Pesquisa
Livro

Transmontanos e Durienses +

S


SALGADO, Ramiro Xavier da Fonte Fernandes

nasceu em Açoreira, concelho de Moncorvo, em 20 06 1902 e faleceu em 06 06 197.1. Após a instrução primária na sua terra frequentou o curso liceal nos Colégios de Lamego e Viseu. Licenciou se em Ciências FísicoQuímicas pela Universidade do Porto em 1928, com a classificação de 15 valores. Enquanto estudante participou em diversas actividades sociais e culturais que complementaram a sua formação académica e humana. Foi membro dos órgãos sociais da Associação Académica do Porto, pertenceu ao Orfeão Académico entre 1922 e 1926. Foi um dos fundadores e chegou a ser director do quinzenário académico "Universidade". Publicou diversos artigos na Enciclopédia Portuguesa e Brasileira que apareceu no Porto a partir de 1924 e que teve curta existência. Alguns dos vários artigos que aí escreveu versaram a defesa da exploração do minério de ferro no Complexo Mineiro de Moncorvo. Trabalhou no antigo Observatório Metereológico da Serra do Pilar, em Vila Nova de Gaia, nos anos de 1927 e 1928. Casou com a sua conterrânea Maria da Conceição Cordeiro. Leccionou em variadíssimos colégios, Institutos e escolas secundárias de Lisboa, Porto e Moncorvo. Foi ele que fundou nesta vila o Colégio Campos Monteiro, de que foi director e professor entre 1936 e 1971. Igualmente se lhe ficaram a dever o Externato Trindade Coelho, em Macedo de Cavaleiros e o Colégio de Santa Maria de Miranda do Douro. O Colégio Campos Monteiro foi o primeiro no distrito de Bragança, no ensino particular e constituiu com aqueles outros dois a verdadeira semente que frutificou e produziu uma geração de autênticos transmontanos que tão altos serviços prestaram (e ainda prestam) ao país, aos mais diversos níveis. Foi membro do Grémio Nacional dos Proprietários do Ensino Particular, ao tempo em que a Direcção era presidida por António Maria de Sousa Monteiro. Com a reforma de Veiga Simão foi criada a Escola Técnica em Torre de Moncorvo, com início nos anos setenta, terminando o Colégio Campos Monteiro a sua actividade. Essa Escola tem hoje como patrono o Dr. Ramiro Salgado. Por ocasião do encerramento do Colégio a Câmara de Moncorvo prestou uma justa homenagem a este valoroso transmontano, perpetuando 0 seu nome numa rua da vila, exarando em lápide: "Impulsionador do Ensino na Região". O pai deste ilustre transmontano chamou se José Xavier da Fonte Fernandes era natural de Tourém, concelho de Montalegre e casou com AdMia de Jesus Salgado.
Artur Oliveira de Carvalho


In ii volume do Dicionário dos mais ilustres Trasmontanos e Alto Durienses,
coordenado por Barroso da Fonte, 656 páginas, Capa dura.
Editora Cidade Berço, Apartado 108 4801-910 Guimarães - Tel/Fax: 253 412 319, e-mail: ecb@mail.pt
Preço: 30€

(C) 2005 Notícias do Douro - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
Design: Notícias do Douro. Email do Jornal: noticias.do.douro@netc.pt