O Semanário de Trás-os-Montes e por excelência da Região Demarcada do Douro
Notícias do Douro Notícias do Douro
Notícias do Douro
Dolce Vita
[ Inquéritos ][ Fórum ][ Farmácias ][ Futebol ][ Agenda ][ Tempo ][ Pesquisa ][ Assinaturas ][ Publicidade ][ Ficha Técnica ][ Horóscopo ]
Transmontanos e Durienses +
Noticias do Douro
Pesquisa
Livro

Transmontanos e Durienses +

P


PIRES, Francisco Lucas

nasceu em Coimbra, em 15.09.1944, mas esteve desde a meninice ligado à Torre Dona Chama (Mirandela), terra dos seus avós paternos, do pai, Juiz de Direito Videira Pires, dos seus ilustres tios padres Jesuítas, Benjamim e Francisco Videira Pires. Os seus tios homens de profunda cultura em Portugal e em Macau. Casou com Teresa Almeida Garrett (Professora na Universidade Católica e deputada do Parlamento Europeu), tendo quatro filhos: Rafael (advogado e assistente da Universidade Católica), Jacinto (escritor e cineasta), Maninho e Simão, estes dois últimos estudantes. Lucas Pires licenciou se em Direito pela Universidade de Coimbra, em 1966, concluindo ali o Curso Complementar de Ciências PolíticoEconómicas. Foi bolseiro da Fundação Calouste Gulbenkian, em Tubingen Alemanha. Doutorou se em Direito pela Faculdade de Coimbra com a classificação máxima. Foi Professor de Direito Constitucional e Direito Europeu na Universidade de Coimbra e leccionou na Universidade Católica e Universidade Autónoma de Lisboa.
Autor de vários livros sobre direito e política, entre eles referimos: "Problema da Constituição", "Soberania e Autonomia", "Uma Constituição para Portugal", "Na Hora Europeia", "Teoria da Constituição de 1976 A Transição Dualista", "Os Novos Direitos dos Portugueses", "Portugal e o Futuro da União Europeia", "Sebengen e a Comunidade de Países Lusófonos" e a título póstumo, "Introdução à Ciência Política" e "Amestardão: Do Mercado à Sociedade Europeia". Foi colaborador de revistas, jornais e rádios, nacionais e estrangeiros, sobre temas de direito e política. Distinguiu se ainda no campo desportivo. como campeão de iniciados de basquetebol, pela Associação Académica de Coimbra e mais tarde seu dirigente, bem como foi membro da Federação Portuguesa de Futebol, representando a na UEFA para as questões com a União Europeia (1995). Foi Coordenador Geral da Aliança Democrática (1979), deputado à Assembleia da República durante dez anos, presidindo a várias Comissões Parlamentares. Distinguindo se como tribuno de discurso fácil, recheado de fina ironia, denotando uma inteligência e intuição raras. Entre 1983 e 1985 foi Presidente do CDS Partido Social Democrático e membro do Conselho de Estado. Foi Ministro da Cultura entre 1982 1983. Entre 1984 1986 foi Vice Presidente da União Europeia das. Democracias Cristãs e também da União Democrática Internacional. No Conselho da Europa desempenhou as funções de Vice Presidente do Grupo Parlamentar Democrata Cristão e foi o primeiro Vice Presidente português do Parlamento Europeu (1986 1987). Foi ainda o primeiro membro, a título individual, do Partido Popular Europeu e porta voz do seu Grupo Parlamentar. Demitiu se do CDS em 1991 e em 1997 adere ao PSD (Partido Social Democrata). Foi um brilhante e respeitado deputado do Parlamento Europeu, cerca de dez anos. Foi agraciado com a "Medalha ProMérito" do Conselho da Europa, com a Ordem do Mérito da República Federal da Alemanha, com a Grande Insígnia de Honra em Ouro da república da Áustria, e com a GrãoCruz da Ordem de Isabel a Católica pelo Governo de Espanha e, a título póstumo, com a Grã Cruz da Ordem Militar de Cristo da República Portuguesa e com a Medalha Robert Schuman. Faleceu de ataque cardíaco, na ida de Lisboa para Coimbra, em 22 de Maio de 1998, quando tinha ainda muito para dar de si à causa da União Europeia e a Portugal. Mas como diz o seu filho Jacinto num poema que lhe dedica: "morremos e há um cheiro que fica". Para que fique algo mais de palpável, o seu grande amigo, José Gama, promoveu lhe uma grande homenagem na Vila da Torre Dona Chama, em 17 de Abril de 1999, a que se associaram amigos e fanúliares nacionais e estrangeiros e que a Presidente da Junta de Freguesia, Paula Lopes Garcia soube acolher com grande hospitalidade. José Gama apelidou Francisco Lucas Pires de "brilhante e laborioso tribuno, de discurso elevado, subtil e perspicaz".
Jorge Lage


In ii volume do Dicionário dos mais ilustres Trasmontanos e Alto Durienses,
coordenado por Barroso da Fonte, 656 páginas, Capa dura.
Editora Cidade Berço, Apartado 108 4801-910 Guimarães - Tel/Fax: 253 412 319, e-mail: ecb@mail.pt
Preço: 30€

(C) 2005 Notícias do Douro - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
Design: Notícias do Douro. Email do Jornal: noticias.do.douro@netc.pt