O Semanário de Trás-os-Montes e por excelência da Região Demarcada do Douro
Notícias do Douro Notícias do Douro
Notícias do Douro
Dolce Vita
[ Inquéritos ][ Fórum ][ Farmácias ][ Futebol ][ Agenda ][ Tempo ][ Pesquisa ][ Assinaturas ][ Publicidade ][ Ficha Técnica ][ Horóscopo ]
Transmontanos e Durienses +
Noticias do Douro
Pesquisa
Livro

Transmontanos e Durienses +

P


PINTO, Artur Alves

nasceu na Aldeia Nova, freguesia de S. Vicente da Chã, Montalegre, em 15 01 1957. Devido à Barragem de Pisões foi viver com a família para Boticas. Ainda jovem foi viver para Lisboa, como marçano. Trabalhou na construção civil, como carpinteiro, nos apartamentos da Costa do Sol. Mais tarde regressaria a Chaves e Boticas, mas ocupado na mesma actividade. Em 1978 ingressou no exército, prestando serviço em Lisboa (Cascais, no CIAAC). Sonhava ser guarda fiscal. Mas foi nessa altura que brotou nele a vocação missionária. Após 16 meses de serviço militar foi a casa despedir se da família para ingressar na vida religiosa. Em 7 de Maio de 1979 entrou no Seminário Comboniano de Aveiro. Em 1982 terminou o curso de Administração e Comércio. Nessa altura foi transferido para Santarém, onde fez formação superior durante dois anos. Em 1984 fez os primeiros votos de Pobreza, Obediência e castidade na Sé Catedral de Santarém. Logo foi enviado para Dublin, na Irlanda, para prosseguir o curriculum formativo e para aprender inglês. Em 1985 passou por Portugal e dali seguiu para o Quénia. Em Agosto de 1987, depois de estudos teológicos na Universidade dos Jesuítas, em Nairobi, foi destinado à África do Sul. Em 1990, depois de uma experiência de 4 anos entre a Tribo Changana (Tsonga na África do Sul), onde leccionou em 23 escolas secundárias, colaborou no apoio a 30 mil famílias de refugiados moçambicanos, alimentou diariamente, 250 mil crianças em 140 escolas primárias, ensinou a Sagrada Escritura e administrou a Missão de Acornhoek. Em 1991, para se preparar para os Votos perpétuos de pobreza, obediência e castidade, na Igreja Paroquial de Boticas, veio a Portugal. Nesse dia tornou se, para sempre, um membro efectivo da Congregação dos Missionários Combonianos do Coração de Jesus. Dias depois seguiu para Salamanca para fazer um curso intensivo de Pastoral Vocacional. Em 1997 voltou para África do Sul.


In ii volume do Dicionário dos mais ilustres Trasmontanos e Alto Durienses,
coordenado por Barroso da Fonte, 656 páginas, Capa dura.
Editora Cidade Berço, Apartado 108 4801-910 Guimarães - Tel/Fax: 253 412 319, e-mail: ecb@mail.pt
Preço: 30€

(C) 2005 Notícias do Douro - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
Design: Notícias do Douro. Email do Jornal: noticias.do.douro@netc.pt