O Semanário de Trás-os-Montes e por excelência da Região Demarcada do Douro
Notícias do Douro Notícias do Douro
Notícias do Douro
Dolce Vita
[ Inquéritos ][ Fórum ][ Farmácias ][ Futebol ][ Agenda ][ Tempo ][ Pesquisa ][ Assinaturas ][ Publicidade ][ Ficha Técnica ][ Horóscopo ]
Transmontanos e Durienses +
Noticias do Douro
Pesquisa
Livro

Transmontanos e Durienses +

P


PARENTE, João Ribeiro

nasceu em Águas Santas, freguesia de São Tomé do Castelo, Vila Real, em 13 05 1932. Em 1957 terminou o Curso Teológico no Seminário de Vila Real. Fez a licenciatura em Teologia na Universidade Católica (Porto). Do seu vasto e rico percurso, quer como padre, quer como professor e investigador constam os seguintes elementos: Como sacerdote: Pároco nas freguesias de Pensalves, Afonsim e Parada de Monteiros, concelho de Vila Pouca de Aguiar, desde 1957 a 1963; em Andrães, concelho de Vila Real, desde 1963 a 1967: em Provezende e São Cristóvão do Douro, concelho de Sabrosa, desde 1967 a 1969: em Vila Marim e Mondrões, concelho de Vila Real, desde 1971 até ao presente ano. acumulando o cargo de pároco em Parada de Cunhos, no mesmo concelho de Vila Real, desde o ano de 1988. Como professor: Professor de Português e História no Colégio Particular de Vila Pouca de Aguiar, desde 1959 a 1964; Professor de Inglês no Colégio Particular de Sabrosa. desde 1964 a 1969; Professor de Inglês no Seminário de Vila Real, desde 1969 a 1985: Professor de Moral na Escola Preparatória Diogo Cão, Vila Real, desde 1975 a 1980. Outros: Sócio da Sociedade Portuguesa de Numismática, desde 13 02 79, n.° 2087: Delegado do IPPC no Distrito de Vila Real desde 1980 a 1985; Presidente da Comissão de Arte Sacra da Diocese de Vila Real. desde a sua instituição. no ano de 1991: Presidente da APAC, no concelho de Vila Real, desde 07 10 1983: Membro Correspondente da Academia Portuguesa da História desde 20 de Março de 1996. com o número 346; Consultor Cultural da Câmara Municipal de Vila Real, na área de Museologia, desde 04 08 95, com o encargo de criar o Museu, cujo acervo doou; Director do Museu desde 1995. Missões: Realizou o Inventário da Arte Sacra nos concelho de Alijó e Boticas, por incumbência do IPPC, e está a inventariar os cruzeiros do Distrito de Vila Real para os Monumentos Nacionais; fez inúmeras conferências sobre o Património Arqueológico e Artístico do Distrito em quase todas as Escolas Secundárias e Liceus do Distrito, bem como em diversas Universidades e Congressos; esteve à frente da construção ou dos restauros realizados nas igrejas ou capelas das seguintes localidades: Afonsim, Reguengo, Provezende. São Cristóvão, Vila Marim, Agarez, Arnal, Quintela, Senhora da Paz (Vila Marim), Mondrões, São Roque (Mondrões), Quintelas, Sapiães, Bisalhães, Parada de Cunhos, Relvas e Granja. Por sua intervenção e a seu pedido que fez o restauro da Torre Medieval de Quintela. Obras Publicadas: Seminaríada, poema herói cómico (versando a educação nos seminários nos anos quarenta e cinquenta), Vila Real, 1987, 200 págs.; Museu de Vila Real, Tomo 1, as Moedas (Catálogo, onde se descrevem 5.500 moedas, cujo núcleo é constituído por exemplares romanos, além de alguns gregos, cartagineses, ibéricos, luso romanos, hispano romanos, visigóticos e bisantinos), edição da Câmara de Vila Real, 1997, com cerca de 700 páginas; Tesouro Monetário de Ribeira de Pena (Bronzes do Séc. IV), edição da Câmara Municipal de Ribeira de Pena, 1997, com cerca de 100 páginas. Obras a publicar no presente ano de 1999: Moedas Romanas do Museu da Cidade da Guarda, edição do Instituto Português dos Museus, com cerca de 100 páginas; Cruzeiros do Distrito de Vila Real, edição das Câmaras Municipais do Distrito de Vila Real, com cerca de 400 páginas. Obras em Preparação: História da Virgem Maria (poesia), com cerca de 100 páginas; Escalada (poesias), com cerca de 100 páginas. Artigos em revistas ou jornais: Descoberta de uma Sepultura Romana em Vila Marim, em "A Voz de Trás os Montes", Ano XXIX n.° 1384, Vila Real, 06 02 1976; Dois Tremisses Inéditos de Vila Pouca de Aguiar, in "Nummus", 2.a série, Volume II, Porto, 1979, págs. 93 a 97; Subsídios Inéditos para a História de Três Minas, in "Actas do Seminário de Arqueologia do Noroeste Peninsular", Revista de Guimarães, Vol. IlI, Guimarães, 1980, págs. 131 a 140; Tesouro Numismático do Reguengo (Vila Pouca de Aguiar), in "Revista de Guimarães", Vol. XCII, 1982, págs. 231 a 314; Douro em Ouro, sobre a seca visigótica de Aliobrio, em "O Alto Douro Cultural", Ano 1, n.° 2, Setembro de 1983; Tesouro de Denários de Mosteirô (Vila Real), in "IV Encontro de Numismatas", Sociedade Martins Sarmento, Outubro, 1983, Guimarães, 1984, págs. 90 a 116; Ara Votiva a Jzípiter, estudo feito para a "Sociedade Portuguesa de Antropologia e Etnologia, na Faculdade de Ciências do Porto", Porto, 1985, págs. 168 170; A Estátua Estela do Marco (Vreia de Jales, Vila Pouca de Aguiar), trabalho de parceria, em "Portugália", Nova Série, Vol. XV, 1994, págs. 147 a 153; Tesouro Numismático de Santulhão, Concelho de Vimioso, in "Brigantia", revista de cultura, Vol. XIV n.° , Bragança, 1994, págs. 37 a 86, e Vol. XV n.° 1, Bragança, 1995, págs. 181 a 284; A igreja matriz de Vila Real, e seu restauro, in "Tellus", revista de cultura transmontana e duriense, n.° 24, Julho de 1995, págs. 34 a 43. Cerca de 300 poesias em semanários locais.

In ii volume do Dicionário dos mais ilustres Trasmontanos e Alto Durienses,
coordenado por Barroso da Fonte, 656 páginas, Capa dura.
Editora Cidade Berço, Apartado 108 4801-910 Guimarães - Tel/Fax: 253 412 319, e-mail: ecb@mail.pt
Preço: 30€

(C) 2005 Notícias do Douro - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
Design: Notícias do Douro. Email do Jornal: noticias.do.douro@netc.pt