O Semanário de Trás-os-Montes e por excelência da Região Demarcada do Douro
Notícias do Douro Notícias do Douro
Notícias do Douro
Dolce Vita
[ Inquéritos ][ Fórum ][ Farmácias ][ Futebol ][ Agenda ][ Tempo ][ Pesquisa ][ Assinaturas ][ Publicidade ][ Ficha Técnica ][ Horóscopo ]
Transmontanos e Durienses +
Noticias do Douro
Pesquisa
Livro

Transmontanos e Durienses +

A


AIRES, Firmino

nasceu em 12 10 1920, na freguesia de Mairos, do concelho de Chaves. Frequentou os seminários de Vila Real e Bragança até ao 6.° ano. Concluiu que não tinha vocação e desistiu. Chamado à vida militar e, à falta de melhor, seguiu o Exército. Foi mobilizado para: Açores, Macau, Angola, Moçambique (2 comissões) e Guiné. Em 1975 passou à situação de Reserva. Começou a escrever na imprensa regional. Participou na fundação de uma associação que se designou: Grupo de Amigos da Arqueologia, que não chegou a legalizar se. Deu o seu contributo para o enriquecimento do Museu da Região Flaviense. Foi convidado a integrar a lista do PSD às autárquicas de 1986/1989. Foi eleito e foi lhe atribuído o Pelouro da Cultura. Em 1986 foi criado o Grupo Cultural Aquae Flaviae, do qual passou a ser o sócio n.° 1, nunca deixando de fazer parte dos seus corpos gerentes até ao presente (1999). Em 1986, já como Vereador do Pelouro da Cultura, iniciou um trabalho que o consagrou e que foi muito útil à cidade: a elaboração do livro Toponímia Flaviense. Conseguiu estudar uma a uma, todas as personalidades ou topónimos já existentes que figuraram na via pública, denominando as ruas, as avenidas, as praças e os jardins. Realizou um trabalho que qualquer cidadão gostaria de ter. Onde estavam desactualizados, propôs a actualização. Chaves passou a ser a urbe modelo, nessa matéria, porque qualquer cidadão vai àquele livro e fica a saber a história do patrono da sua artéria. São cerca de 400 páginas de história local que são indispensáveis a qualquer estudo que se faça sobre a cidade. Foi. para o nosso estudo, por exemplo, de uma grande utilidade. É um dos principais colaboradores da Revista Aquae Flaviae, de que já se publicaram 23 edições, algumas à volta de 300 páginas. Aí assina Firmino Aires trabalhos de grande responsabilidade científica.
É também autor do livro Sant'iago do Meiral. Colaborou. em parceria, no livro Roteiros de Chaves. onde estão insertas todas as freguesias do concelho. O seu último livro, de interesse Flaviense chama se Incursões Autárquicas.


In ii volume do Dicionário dos mais ilustres Trasmontanos e Alto Durienses,
coordenado por Barroso da Fonte, 656 páginas, Capa dura.
Editora Cidade Berço, Apartado 108 4801-910 Guimarães - Tel/Fax: 253 412 319, e-mail: ecb@mail.pt
Preço: 30€

(C) 2005 Notícias do Douro - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
Design: Notícias do Douro. Email do Jornal: noticias.do.douro@netc.pt