O Semanário de Trás-os-Montes e por excelência da Região Demarcada do Douro
Notícias do Douro Notícias do Douro
Notícias do Douro
Dolce Vita
[ Inquéritos ][ Fórum ][ Farmácias ][ Futebol ][ Agenda ][ Tempo ][ Pesquisa ][ Assinaturas ][ Publicidade ][ Ficha Técnica ][ Horóscopo ]
Transmontanos e Durienses +
Noticias do Douro
Pesquisa
Livro

Transmontanos e Durienses +

S


SANTOS, Sérgio Machado dos

nasceu no Rio de Janeiro em 1945, mas aos dois anos de idade veio para Bornes, perto de Pedras Salgadas (Vila Pouca de Aguiar), aí se desenvolvendo com os seus 10 irmãos. O pai era funcionário da única empresa que existia na região. E o salário era magro para manter tão numeroso lar. Aí, em Bornes, fez a quarta classe e teve uma professora que o marcou para a vida, confessou ele, mais tarde. Trabalhou no campo, sentiu a dureza da serra, experimentou os rigores de uma geração em crise. Fez o ensino secundário da Escola Fernão de Magalhães (antigo liceu). A matemática era ensinada pelo Prof. Marques que o influenciou. De Chaves foi se até ao Porto, onde fez o curso superior de Engenharia Electrónica que terminou com 18 valores. Quando ainda era aluno de liceu começou a dar explicações de matemática para arranjar dinheiro para fazer face aos encargos que tinha. Já na universidade residia no Seminário dos Padres Capuchinhos, onde ministrava Matemática e Física. Mal fez os três primeiros anos de Ciências (de um total de seis, sendo os restantes três de Engenharia), passou a assistente extraordinário de Departamento de Física na Faculdade de Ciências. Logo que acabou deu aulas, durante um ano na EFACEC, sector da investigação. Seguidamente foi para Lourenço Marques como docente. Seguiu se o Mestrado na Universidade de Manchester (Inglaterra), em 1972. Nessa mesma Universidade foi o Doutoramento (Ph.D) em Sistemas de Controlo, pelo UNIST (1974). Seguiu se a agregação em Ciências de Computação, pela Univ. do Minho (1979). Foi Bolseiro da Fundação Cal. Gulbenkian (19711974), Prof. Auxiliar da UM (1975 1979). Passou a Catedrático na UM, em 1979. Na UM desempenhou vários cargos: responsável da área de informática, Coordenador dos Serviços de Computação, Vice Presidente do Conselho de Gestão da U.C.P de Engenharia (1976 1978), Presidente do Conselho Científico (1976 1982) e vogal da Comissão Instaladora (1978 1980). Vice reitor entre 1982 1985 e reitor desde 1985. Éautor de uma série de publicações científicas, bem como de dois livros publicados por uma editora inglesa. Foi condecorado pelo Presidente da República com a GrãCruz da Ordem de Instrução Pública. Recebeu a Medalha de Mérito Grau Ouro da Câmara Municipal de Vila Pouca de Aguiar. Teve o prémio Dedicação atribuído pelo Júri dos Prémios Altos da Região do Alto Tâmega. É sócio honorário da Federação da Cultura Portuguesa e membro honorário da Associação Académica da UM, da Assoc. dos antigos Estudantes da UM, da Tuna Universitária e da Tuna da Escola de Ciências da UM. Foi membro da Comissão Científica Interuniversitária de Engenharia Electrotécnica durante a sua vigência. Foi vogal, e posteriormente Presidente, do Conselho Científico de Ciências de Engenharia do Instituto Nacional de Investigação Científica, até à respectiva extinção. Foi membro da Comissão de Reforma do Sistema Educativo (criada pela Resolução n.°8/86 do Conselho de Ministros) durante a sua vigência. Foi vogal do Conselho Superior de Ciências e tecnologia, durante a vigência deste Conselho. Foi membro do Grupo Estratégico do PRODEP I. Foi vogal do Conselho de Administração da Associação das Universidades de Língua Portuguesa. Émembro, por eleição, do Conselho Nacional de Educação. É membro da Confederation of European Union Rectors Conferences e integra presentemente o respectivo Presidium. É membro do Conseil Universitaire Jean Monnet, por designação da Confederation of European Unin Rector's Conferences. É membro do Comité Executivo da International Association of University Presidents. Preside ao Conselho de Reitores das Universidades Portuguesas desde Ju lho de 1991. Em Setembro de 1993, na se quência da aprovação dos novos Estatutos do CRUP, foi eleito por unanimidade para a Presidência deste órgão, para a qual foi reeleito, por unanimidade, em 1996. Preside desde 1994 ao Conselho Científico Pedagógico da Formação Contínua, por designação do Ministro da Educação. Presidiu ao Conselho Nacional para a Acção Social no Ensino Superior, por designação do Ministro da Educação. Foi membro de Comissões Organizadoras de vários Encontros e relator de temas específicos em alguns deles. Cessou funções de Reitor da UM em 1998.


In i volume do Dicionário dos mais ilustres Trasmontanos e Alto Durienses,
coordenado por Barroso da Fonte, 656 páginas, Capa dura.
Editora Cidade Berço, Apartado 108 4801-910 Guimarães - Tel/Fax: 253 412 319, e-mail: ecb@mail.pt
Preço: 30€

(C) 2005 Notícias do Douro - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
Design: Notícias do Douro. Email do Jornal: noticias.do.douro@netc.pt