O Semanário de Trás-os-Montes e por excelência da Região Demarcada do Douro
Notícias do Douro Notícias do Douro
Notícias do Douro
Dolce Vita
[ Inquéritos ][ Fórum ][ Farmácias ][ Futebol ][ Agenda ][ Tempo ][ Pesquisa ][ Assinaturas ][ Publicidade ][ Ficha Técnica ][ Horóscopo ]
Transmontanos e Durienses +
Noticias do Douro
Pesquisa
Livro

Transmontanos e Durienses +

R


RODRIGUES, Nuno dos Santos

nasceu em Rebordelo, concelho de Vinhais, em 15.10.1943. Fez o Curso do Magistério Primário, em Bragança, fez o exame para o Magistério em 28.7.1964 e fez ainda o Curso Geral de Enfermagem (no Hospital Militar de Lisboa), concluindo o com 17 valores no Hospital Mil. do Porto. Começou a ensinar em 1964, como Prof. do 1.° Ciclo do Ensino Básico, em Paços de Ferreira. Seguiu se o Serviço Militar, em Moçambique. Aí foi aproveitado para leccionar. Preparou 37 soldados analfabetos para a 4.a classe. No regresso da tropa foi colocado no concelho de Chaves, em várias Escolas: Oura, Adães, Santa Leocádia, Vila Nova de Veiga, Chaves, etc. A partir de 1988 foi destacado para vários organismos e funções. Esteve ligado a várias instituições e colectividades culturais e recreativas. Foi vice presidente da Direcção do Grupo Desportivo de Chaves, entre 1973 e 1983. Fundou a secção de Voleibol (Amador de Chaves). Foi vereador da Comissão Administrativa da Câmara de Chaves em 1974/75. Delegado sindical dos Prof. da Zona Norte. Em 1976/77 voltou a vereador eleito. Fundou e dirigiu o jornal mensal Boletim Desportivo. Desde 1979 é Provedor da Santa Casa da Misericórdia de Chaves e de Boticas, eleito em sufrágio directo em 6 mandatos consecutivos. Nessa qualidade foi responsável por uma vasta obra que representa um investimento da ordem de dois milhões de contos. Ou seja: quatro lares de 3.a idade em: Chaves, Vidago, Boticas e Vilar de Nantes. Dois jardins de infância, dois lares para acamados, um centro de dia, um complexo de oficinas, com exploração pecuária e padaria industrial. Pertenceu à Direcção da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários Flavienses, director do mensário Sinal de Esperança, Presidente do Secretariado Distrital de Vila Real da União das Instituições de Solidariedade Social de Vila Real, membro da Comissão Regional de Turismo do Alto Tâmega, Deputado Municipal, enfim, teve várias outras tarefas ligadas à imprensa, à escola de enfermagem e às muitas instituições de solidariedade social.


In i volume do Dicionário dos mais ilustres Trasmontanos e Alto Durienses,
coordenado por Barroso da Fonte, 656 páginas, Capa dura.
Editora Cidade Berço, Apartado 108 4801-910 Guimarães - Tel/Fax: 253 412 319, e-mail: ecb@mail.pt
Preço: 30€

(C) 2005 Notícias do Douro - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
Design: Notícias do Douro. Email do Jornal: noticias.do.douro@netc.pt