O Semanário de Trás-os-Montes e por excelência da Região Demarcada do Douro
Notícias do Douro Notícias do Douro
Notícias do Douro
Dolce Vita
[ Inquéritos ][ Fórum ][ Farmácias ][ Futebol ][ Agenda ][ Tempo ][ Pesquisa ][ Assinaturas ][ Publicidade ][ Ficha Técnica ][ Horóscopo ]
Transmontanos e Durienses +
Noticias do Douro
Pesquisa
Livro

Transmontanos e Durienses +

R


RIPADO, Anaíza Aureliana da Fonseca Veiga

nasceu em Chaves em 1874, aí mesmo falecendo em 18.12.1939. Pertenceu a uma família distinta, originária de uma casa brasonada de S. Pedro de Agrochão. Casou com o coronel Joaquim Augusto Ripado, alentejano, que faleceu em 1894, vítima de um cancro. Como sofreu muito a mulher impressionou se e resolveu dedicarse à enfermagem, com o intuito de ser útil ao seu semelhante. E, de facto, dedicou o resto da sua vida, a tratar de enfermos, utilizando a sua própria casa, na Rua da Misericórdia. Ela fazia tudo por amor ao próximo, negando se a receber recompensas. De qualquer modo havia quem teimasse em dádivas valiosas as quais ela doou à Santa Casa da Misericórdia de Chaves. Morreu pobre, porque passou a vida a praticar o bem, sem olhar a quem. Quando, em 1912, se deu a revolução de Paiva Couceiro houve vários feridos graves em Chaves que ela tratou cuidadosamente. Por causa disso o Governo da República, através do Ministério da Instrução Pública, concedeu lhe o grau de Oficial da Ordem de Instrução Benemerência. E por portaria de 5 de Outubro de 1912 o Ministro da Guerra, António Xavier Correia Barreto conferiu lhe a Cruz Vermelha de primeira classe de acordo com o constante na O.S. n.° 19 . 2.a Série de 5.10.1912.


In i volume do Dicionário dos mais ilustres Trasmontanos e Alto Durienses,
coordenado por Barroso da Fonte, 656 páginas, Capa dura.
Editora Cidade Berço, Apartado 108 4801-910 Guimarães - Tel/Fax: 253 412 319, e-mail: ecb@mail.pt
Preço: 30€

(C) 2005 Notícias do Douro - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
Design: Notícias do Douro. Email do Jornal: noticias.do.douro@netc.pt