O Semanário de Trás-os-Montes e por excelência da Região Demarcada do Douro
Notícias do Douro Notícias do Douro
Notícias do Douro
Dolce Vita
[ Inquéritos ][ Fórum ][ Farmácias ][ Futebol ][ Agenda ][ Tempo ][ Pesquisa ][ Assinaturas ][ Publicidade ][ Ficha Técnica ][ Horóscopo ]
Transmontanos e Durienses +
Noticias do Douro
Pesquisa
Livro

Transmontanos e Durienses +

L


LENCASTRE, José Maria de Queiroz e

nasceu em 1.1.1885, na freguesia de Santo André de Medim, hoje Sanhoane, concelho de Santa Marta de Penaguião. Faleceu em 7.7.1977 em Paços de Ferreira. Como era descendente de família nobre sempre usou o Dom que transmitiu aos descendentes que continuam a usá lo. Sucedeu nas Casas de seu pai e avô, vindo a ser o Senhor da Quinta do Casal, em Godim, Peso da Régua e, por compra à família, da Casa do Arco, em Viseu. Fez o curso de liceu no Colégio dos Padres do Espírito Santo, em Braga e bacharelou se em Direito, pela Universidade de Coimbra, em 1910. Casou em 31.7.1912 com D. Maria Haydée Cardoso da Silva, filha do Senhor das Casas do Rego e da Torre (Paços de Ferreira) e do Morgadio de Tapacurá (em Pernambuco Brasil) e de sua mulher D. Joaquina Emitia da Conceição Cardoso, da Casa de Manhude (Amarante), tia paterna do pintor Amadeu de Souza Cardoso. Desse casamento houve dez filhos, todos ilustres que, na impossibilidade de biografá los individualmente, aqui se registam: D. António Queiroz de Vasconcelos Lencastre, (Eng.° Agrónomo e actual Senhor da Casa do Pinheiro, em Sanhoane, a Capela e Casa dos Coimbras, em Braga e ainda da Casa do Rego, em Paços de Ferreira; D. Maria José, licenciada em Letras por Lisboa; D. Maria do Carmo e D. Maria Teresa (nesta data já falecidas), D. Manuel Umbelino, Arquitecto (falecido); D. José Paulo, Eng.° Electrotécnico (falecido); D. Margarida Maria; D. Maria da Eucaristia, lic. em Letras por Lisboa; D. Maria Teresa do Menino Jesus e D. Miguel Ângelo, Sacerdote. Dom José, já em Coimbra, fora presidente do C.A.D.C. nos anos de 1908/10, sendo um dos organizadores, em 1908, da grande e ruidosa romagem a Lisboa dos Estudantes de Coimbra, em saudação e apoio ao novo Rei D. Manuel 11. Em 1918, no consulado de Sidónio Pais, foi presidente da Câmara M. de Santa Marta de Penaguião. De 1927 a 1948 (durante 21 anos) foi presidente da Câmara de Paços de Ferreira. Foi deputado na l.a legislatura da Assembleia Nacional, instituída pela Constituição de 1933. Em 1925 foi nomeado pelo arcebispo de Braga (mas natural de Poiares da Régua) D. Manuel Vieira de Matos, chefe do Escutismo Católico, cargo que exerceu durante 50 anos, até 1975. Importará referir que era filho de outro ilustre cidadão Dom António de Queiroz de Souza Coimbra de Camanho Vasconcelos Lencastre (natural de Sanhoane) e fidalgo da Casa Real e era neto de D. Gaspar de Queiroz de Camanho de Vasconcelos e Lencastre, Fidalgo da Casa Real e senhor de algumas das mais importantes Casas da Região Duriense.


In i volume do Dicionário dos mais ilustres Trasmontanos e Alto Durienses,
coordenado por Barroso da Fonte, 656 páginas, Capa dura.
Editora Cidade Berço, Apartado 108 4801-910 Guimarães - Tel/Fax: 253 412 319, e-mail: ecb@mail.pt
Preço: 30€

(C) 2005 Notícias do Douro - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
Design: Notícias do Douro. Email do Jornal: noticias.do.douro@netc.pt