O Semanário de Trás-os-Montes e por excelência da Região Demarcada do Douro
Notícias do Douro Notícias do Douro
Notícias do Douro
Dolce Vita
[ Inquéritos ][ Fórum ][ Farmácias ][ Futebol ][ Agenda ][ Tempo ][ Pesquisa ][ Assinaturas ][ Publicidade ][ Ficha Técnica ][ Horóscopo ]
Transmontanos e Durienses +
Noticias do Douro
Pesquisa
Livro

Transmontanos e Durienses +

C


CAPELO, Vital Gonçalves Pereira

Foi este o nome civil, já que eclesiasticamente, isto é, pelo baptismo, se chamou: Vital Rodrigues Mendes. Nasceu em Salto, do concelho de Montalegre, em 29. 8. 1911. Fez exame de admissão ao seminário de Gralhas (Montalegre), em fins de Outubro de 1922. Em 2. 11.1922 ingressou no seminário (Gralhas) e aí fez os três primeiros anos de preparatórios. Em Outubro de 1925 transitou para o Seminário de N.a Sr.a da Conceição, em Braga. Fez a Teologia no Seminário de São Barnabé, concluindo a em 19.7.1933. Em Agosto seguinte entrou como estagiário para o sacerdócio no Seminário de Vila Real, onde leccionou até 1937. Foi ordenado em 22.12.1934. Em Janeiro de 1937 foi nomeado pároco de Canedo, do concelho de Ribeira de Pena. Em 1939 foi transferido para Sedielos e mais tarde para Torgueda, Carlão (no concelho de Alijó), até Maio de 1949. Em 1949 casou civilmente. E em 21.4.1965 casou religiosamente. Embarcou para Angola em Agosto de 1949, passando a leccionar em Malange, no Colégio Veríssimo Sarmento. Em 1950 transitou para o liceu Salvador Correia, em Luanda. Em Dezembro de 1950 mudou se para Moçambique, fixando se na Beira, como professor do liceu. Aí leccionou até 17.7.1976. Esteve ligado à fundação do Colégio Nun'Álvares. Foi depois guarda livros, com carteira profissional. Regressou a Portugal, com a "descolonização exemplar". Leccionou em Almada, Setúbal e Oeiras, onde atingiu o limite de idade. Completou as habilitações académicas na Universidade Clássica de Lisboa. Seguiu se um período (duas comissões), como Cooperante em Bissau (Guiné). No regresso fez uma nova e profunda opção: o regresso ao sacerdócio. Foi auxiliar em Chaves, desde 16.1.1984 a 21 de Dezembro. Em Janeiro de 1985 foi colocado na Régua, como Vigário Paroquial, sendo lhe confiados o Hospital e o Lar dos Idosos, para além da paroquialidade de Covelinhas. Ainda como estudante, colaborou no Diário do Minho. Também colaborou no Calvário, que se publicou em Vila Real, em A Voz de Trás-os-Montes, Arrais, Diário de Moçambique (Beira) e Rádio Pax (Beira Moçambique).


In i volume do Dicionário dos mais ilustres Trasmontanos e Alto Durienses,
coordenado por Barroso da Fonte, 656 páginas, Capa dura.
Editora Cidade Berço, Apartado 108 4801-910 Guimarães - Tel/Fax: 253 412 319, e-mail: ecb@mail.pt
Preço: 30€

(C) 2005 Notícias do Douro - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
Design: Notícias do Douro. Email do Jornal: noticias.do.douro@netc.pt